Home office: cinco dicas para melhorar a conexão Wi-Fi na quarentena

Compartilhe

Pequenas modificações te ajudam a ter uma rede WI-Fi mais estável para poder trabalhar de casa sem problemas na conexão.

A pandemia causa pelo Convid-19 levou o mundo todo a ficar de quarentena. Como muita gente têm feito home office, é essencial prestar atenção à qualidade do Wi-Fi de casa. Alguns cuidados fazem a diferença na qualidade das redes sem fio, como monitorar os aparelhos conectados ou examinar as configurações do roteador para escolher os ajustes certos para você. Confira a seguir cinco dicas para melhorar o sinal do seu Wi-Fi para trabalhar de casa durante a quarentena.

Veja também:
Confira dicas para instalar um repetidor de sinal e ter Wi-Fi na casa toda
Como conectar Internet na TV? Confira qual a melhor forma para você

melhorar-rede-wifi3

Testar conexão

Uma atitude importante para ter um bom desempenho na conexão durante os períodos de trabalho é conferir se a velocidade contratada junto à operadora está sendo entregue. É interessante lembrar que, em momentos em que mais pessoas estão conectadas ao mesmo tempo, as redes podem ter alguma instabilidade. Porém, de qualquer forma, existe uma margem mínima de banda que deve ser entregue sempre.

melhorar-rede-wi-fi

Há diversos sites que realizam o teste de conexão automaticamente, mostrando as taxas de download e upload. Como o da Anatel (Agencia Nacional de Telecomunicações), que está disponível no site do Brasil Banda Larga. Se a velocidade contratada não estiver sendo entregue, confira o contrato de seu plano e solicite as providências diretamente com a operadora.

Monitorar aparelhos conectados

Ter muitos aparelhos conectados ao mesmo tempo também pode ocasionar em um desempenho instável da sua rede Wi-Fi. Por isso, é importante verificar quantos dispositivos estão usando a Internet simultaneamente, sobretudo quando perceber alguma queda na velocidade de conexão, já que pode haver algum “intruso” causando esse problema.

Para verificar se tem alguém no seu Wi-Fi, você pode acessar o menu de configurações do roteador pelo navegador, com o IP indicado pela fabricante do dispositivo. Outra alternativa é usar aplicativos relacionados, como  mydlink, da D-Link, ou o Tether, da TP-Link. Também é possível verificar quantos dispositivos estão em sua rede por meio do seu celular.

melhorar-rede-wi-fi

Desligar dispositivos ligados à rede durante o horário de trabalho

Limitar o número de aparelhos conectados ao mesmo tempo pode melhorar a velocidade e estabilidade da Internet durante o trabalho. Alguns utensílios como consoles, media centers e outros dispositivos conectados, usam uma certa quantidade de banda para baixar atualizações, mesmo quando não estão sendo usados. Por esse motivo, deixá-los desligados pode ser a melhor solução para um trabalho com menos travamentos e outros problemas relacionados ao Wi-Fi.

melhorar-rede-wi-fi

Explorar as configurações do roteador

Pode até parecer algo complicado, porém as configurações do roteador podem apresentar diversas soluções interessantes para trazer uma performance ainda melhor. Alguns modelos possibilitam, por exemplo, limitar ou priorizar a quantidade de banda para cada aparelho conectado, por meio do QoS.

Outra possibilidade é mudar os canais utilizados, já que um deles pode estar sobrecarregado. Essa é uma pequena e simples alteração que pode melhorar a velocidade da rede para seu Wi-Fi.

roteador

Não usar o micro-ondas

O micro-onda, assim como outros eletrodomésticos, podem prejudicar muito a qualidade da rede WI-Fi. Mesmo sem ter funções smart, o produto emite ondas que podem interferir nas frequências de rádio do roteador, principalmente se o mesmo atuar apenas na faixa de 2,4 GHz. Para ter um melhor desempenho, evite utilizar o micro-ondas por muito tempo quando estiver no Wi-Fi.

Além disso, se possível, utilize redes com frequências de 5 GHz ao trabalhar de preferência, porque essas oferecem uma maior velocidade para sua conexão. Vale ressaltar que, para isso, é interessante ficar no mesmo cômodo do roteador: a faixa de 5 GHz trabalha com ondas que não atravessam paredes e obstáculos com tanta facilidade.

Não usar o micro-ondas

Compartilhe

Posts recentes

seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.