Como pesquisar no Google Acadêmico para encontrar Artigos Científicos

Compartilhe

O Google Acadêmico é uma ferramenta de buscas do Google criada para encontrar artigos acadêmicos na internet. O produto, criado pela gigante das buscas em 2004, permite que qualquer pessoa busque referências e citações em milhares de artigos científicos publicados em fontes confiáveis de literatura acadêmica mundo afora.

pesquisar no google acadêmico

Veja também:
Como escanear documentos pelo celular usando o Google Drive
Udemy é confiável? Confira como funciona site para fazer cursos online

A ferramenta é a favorita de muitos universitários pesquisando por bibliografias para melhorar seus trabalhos de conclusão de curso (o temido TCC), ou pós-graduandos, mestrandos, doutorandos e pesquisadores em geral que necessitam de uma fonte fidedigna de informação sobre os vários tipos de ciência.

Mas para quem não conhece, o Google Acadêmico pode parecer um pouco assustador à primeira vista. Este artigo tem como objetivo te ensinar o básico da ferramenta e mostrar como conseguir os melhores resultados para a sua bibliografia.

Como funciona o Google Acadêmico

Assim como o Google “normal”, o Acadêmico é um motor de busca que tem como base um grande banco de dados de links da internet. Quando um termo ou palavra-chave é pesquisado, o buscador levanta os artigos científicos, livros e teses mais relevantes que contenham o conteúdo da pesquisa.

Os artigos em questão podem estar acessíveis publicamente no site de uma universidade ou instituto, por exemplo. Mas é bom ter em mente que muitas vezes estão em arquivos de revistas científicas comerciais que cobram uma assinatura pelo acesso ao conteúdo completo.

Nestes casos, o Google Acadêmico faz a indexação de apenas um trecho do artigo, geralmente um resumo ou informações para a citação do autor. É praticamente a mesma coisa que o Google Imagens faz para proteger fotos que estão em bancos de mídia que cobram assinatura, por exemplo, mostrando só uma prévia do conteúdo pago.

A relevância de um resultado é definida a partir de informação como o nome do autor, quantas vezes ele já foi citado, a publicação na qual a pesquisa foi divulgada, a frequência com que ela é citada em artigos e teses de outras pessoas e também o conteúdo do estudo completo, se ele tem a ver com o tema que você está buscando.

Como pesquisar no Google Acadêmico

A primeira coisa que você precisa fazer para utilizar o Google Acadêmico é acessar scholar.google.com pelo seu navegador. A página principal é idêntica à do buscador padrão, com uma grande barra de texto para você digitar o termo, assunto ou palavra-chave que está buscando.

Para refinar a pesquisa, é possível optar por resultados somente em língua portuguesa ou em qualquer outro idioma. Digite o termo que você está procurando e pressione “Enter” no teclado. Na página dos resultados, você pode refinar as pesquisas por data e idioma, por exemplo.

Do lado cada resultado de pesquisa, há um link e uma indicação entre colchetes sobre o formato daquele artigo – ou seja, se está numa página simples da web (HTML) ou num arquivo de leitura (PDF). Clique naquele que lhe parece o mais indicado para a sua pesquisa.

Além disso, é possível usar a busca avançada para filtrar os resultados se estiver em busca de algo bem específico. Na página inicial do Google Acadêmico, clique no menu de três linhas no canto superior esquerdo da tela e depois clique em “Pesquisa avançada”.

Nesta janela você pode definir buscas com várias opções de palavras-chave, excluir opções e onde elas aparecem no artigo. Dá para usar a ferramenta para pesquisar apenas em trabalhos acadêmicos assinados por uma pessoa específica, publicados num determinado veículo ou em um período de tempo exato, ainda.

‘Meu perfil’ e ‘Minha biblioteca’

A guia “Meu perfil” do Google Acadêmico é uma ferramenta que permite que você, autor de pesquisas e teses, fique de olho em como os seus artigos são citados mundo afora. Só precisa clicar nesta opção na página principal do Google Acadêmico, cadastrar-se para criar seu perfil (vai precisar de nome, afiliação, e-mail e áreas de interesse) para começar.

Em seguida, o próprio Google Acadêmico vai sugerir uma lista de artigos que ele acredita que tenham sido publicados ou escritos, pelo menos em parte, por você. Selecione aqueles que são realmente de sua autoria e clique na seta para a direita no topo da tela.

Na próxima tela você deve escolher entre permitir que o Google Acadêmico encontre automaticamente seus novos artigos e altere os artigos já existentes por conta própria, ou que ele envie um e-mail para confirmar atualizações. Por fim, escolha entre manter seu perfil público (isto é, visível por qualquer um) ou não. Clique em “Concluído” quando acabar.

Já o recurso “Minha biblioteca” permite que você organize online uma coleção de artigos, referências e citações encontradas no Google. Para salvar um artigo na biblioteca, clique no ícone de uma estrela localizado logo abaixo do link que te interessa. Eles serão guardados nesta guia.
Aqui, você pode organizar os artigos salvos por período, checar a lixeira por artigos deletados e gerenciar marcadores. Estes marcadores servem para separar os artigos que você salvou por categorias personalizadas, o que também ajuda na hora de organizar suas referências bibliográficas.

Compartilhe

Posts recentes

seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.